Back

20 de Setembro 2022

Oncologistas pediátricos reunidos em Lisboa

IPO Lisboa é centro coordenador do ensaio clínico “ALLTogether 1” em Portugal. Médico Ximo Duarte é o investigador responsável pelo projeto.

O Grupo Português de Leucemias Pediátricas (GPLP) está a organizar a edição de 2022 do consórcio europeu “ALLTogether”. O encontro realiza-se nos próximos dias 26 e 27 de setembro na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e vai contar com a participação de 130 especialistas dos países escandinavos, repúblicas bálticas, Alemanha, Reino Unido, Países Baixos, Bélgica, França, Irlanda e Portugal. Estarão ainda presentes representantes de Espanha, como observadores.

O consórcio “ALLTogether” integra especialistas em oncologia pediátrica de vários países, na área do estudo e tratamento da leucemia linfoblástica aguda (LLA) em crianças, adolescentes e jovens adultos.

 

“A LLA é a doença oncológica pediátrica mais frequente, mas o seu prognóstico tem melhorado muito ao longo dos anos. Atualmente a sobrevivência global ronda os 90% aos cinco anos. Porém, existem subgrupos de leucemias com um prognóstico muito pior e, nalguns casos, os sobreviventes podem apresentar algumas sequelas” explica o médico Joaquim (Ximo) Duarte, do Serviço de Pediatria do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil (IPO Lisboa).

 

O IPO Lisboa é Centro de Referência para a oncologia pediátrica em Portugal e é o centro coordenador do ensaio clínico “ALLTogether 1” no nosso país. Joaquim Duarte, especialista em oncologia pediátrica, é o investigador coordenador do projeto.

BANNER_Investigadores oncologia pediátrica reunidos Lisboa_726x726
Ximo Duarte é especialista em oncologia pediátrica

Na reunião de Lisboa vão ser discutidos aspetos da condução do ensaio para o diagnóstico e tratamento da LLA de primeira linha, assim como novos achados biológicos e estratégias de tratamento desta doença, para melhorar os resultados em alguns casos e minimizar a toxicidade noutros.

 

Entre os palestrantes estão o médico Hiroto Inaba, do St. Jude Children’s Research Hospital, nos Estados Unidos da América, que vai fazer um ponto de situação sobre os atuais desenvolvimentos no tratamento da LLA. Bem como a médica Seth Karol, da mesma instituição norte-americana, que deverá antecipar os desenvolvimentos futuros nos tratamentos da mesma doença.

 

O GPLP é uma associação científica, sem fins lucrativos, que tem como objetivo a promoção de cuidados de excelência às crianças e adolescentes com leucemias em Portugal. Integra grupos cooperativos de investigadores internacionais para o tratamento da leucemia em idades pediátricas, participando nas atividades científicas que são organizadas.