Voltar

24 de Agosto 2023

Cancro da tiroide: Encontro em outubro debate avanços

Encontro de Investigação decorre dia 12 de outubro no anfiteatro do IPO Lisboa. Manuel Sobrinho Simões, professor, investigador e Prémio Pessoa em 2002, é um dos oradores.

O cancro da tiroide é o tumor maligno mais comum do sistema endócrino e a frequência do seu diagnóstico tem aumentado nas últimas décadas. O IPO Lisboa promove um encontro de investigação sob o tema ‘Cancro da tiroide: Avanços no diagnóstico e na terapêutica’.

 

Os tratamentos para este cancro estão bem estabelecidos, incluindo habitualmente a cirurgia e o iodo radioativo. No entanto, existem tumores da tiroide que são refratários ao iodo, sendo responsáveis pela grande maioria da mortalidade.

 

“Na última década, a compreensão dos mecanismos moleculares que estão na base do cancro da tiroide permitiu o desenvolvimento de novas terapêuticas que mudaram significativamente o prognóstico dos casos de doença avançada”, pode ler-se no programa.

 

Este cancro representa um espetro diversificado de neoplasias, que vão desde os carcinomas indolentes até aos carcinomas mais agressivos e letais, os carcinomas anaplásicos, mais raros e associados a uma elevada mortalidade.

 

Manuel Sobrinho Simões, médico especialista em diagnóstico e investigação em cancro, professor emérito da Universidade do Porto, e considerado o “Patologista mais influente do mundo” pela revista britânica ‘The Pathologist’, em 2015, é o primeiro orador do programa que arranca às 9h00 e termina às 13h00.

 

Este encontro é organizado no âmbito das comemorações do centenário do IPO Lisboa pelo grupo de Endocrinologia do Instituto e o grupo de Sinalização e Metabolismo em Cancro do I3S/IPATIMUP.

 

O IPO Lisboa tem uma grande tradição no tratamento dos tumores da tiroide, sendo o principal centro de referência para estes tumores a nível nacional. Já os investigadores do I3S/IPATIMUP constituem o principal grupo de investigação nesta área em Portugal, pelo que este encontro se reveste-se de particular interesse para todos os que se interessam pela oncologia tiroideia.

 

A participação na sessão é gratuita, mas de inscrição obrigatória – até 9 de outubro.