Voltar

27 de Setembro 2022

Atividade científica no IPO Lisboa

Está publicada em formato digital a 11.ª edição do Anuário da Atividade Científica do IPO. Investigadores participaram em 255 Estudos Observacionais e 60 Ensaios Clínicos.

Em 2021, os investigadores do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil (IPO Lisboa) participaram em 255 Estudos Observacionais, 60 Ensaios Clínicos, e em 295 Artigos Científicos. Estes e muitos outros dados podem agora ser consultados no Anuário da Atividade Científica que se encontra publicado online.

O documento está organizado por capítulos a que correspondem grandes áreas de investigação: “Cancro Familiar”, “Epidemiologia”, “Investigação Básica e Translacional”, Investigação Clínica”, destacando também “Outras Áreas de Investigação”, “Atividade científica para obtenção de grau académico” e “Prémios”.

No que diz respeito às publicações, o anuário, que vai na 11.ª edição, destaca um acréscimo do número de artigos científicos com revisão por pares, o aumento da participação em congressos internacionais e a subida do número de publicações, em todas as categorias, com Fator de Impacto superior a zero (número médio anual de citações dos artigos científicos publicados nos últimos dois anos nessa revista).

O número de Estudos Observacionais e de Ensaios Clínicos cresceram em relação ao ano anterior, totalizando 315 projetos – mais quatro que no ano anterior. No que diz respeito à categoria de atividade científica para obtenção de grau académico, foram iniciadas seis teses de doutoramento e 16 projetos de mestrado, entre outros. Foram também terminados quatro projetos de doutoramento.

O panorama global da atividade científica do IPO Lisboa “reflete de forma positiva a participação crescente em projetos colaborativos, redes de referenciação, grupos de trabalho especializados e outros consórcios académicos”, explica Carla Pereira, do Centro de Investigação do IPO Lisboa.

As ilustrações de Anuário da Atividade Científica 2021 são da autoria do ilustrador Pedro Velho.